Home Política Regional Deputado Hussein Bakri homenageia Portos do Paraná pela melhor gestão portuária do Brasil em quatro anos seguidos

Deputado Hussein Bakri homenageia Portos do Paraná pela melhor gestão portuária do Brasil em quatro anos seguidos

0
AGÊNCIA REBOUÇAS- Rua: José Afonso Vieira Lopes, 303 - Centro, Tel (42) 3457-1100

Na próxima terça-feira (03), a partir das 18 horas, o plenário da Assembleia Legislativa do Paraná será palco de uma homenagem aos portos de Paranaguá e Antonina. Por proposição do Líder do Governo, deputado Hussein Bakri (PSD), a Casa promoverá uma sessão solene parabenizando a empresa pública Portos do Paraná pela melhor gestão portuária do Brasil pelo quarto ano consecutivo.

“Será o momento de comemorar mais uma conquista nacional para o Paraná. Esse prêmio é mais um reconhecimento e uma demonstração da força do nosso estado na economia e na geração de emprego e renda, bem como da capacidade e da excelência do trabalho de toda a comunidade portuária. Nas figuras do governador Ratinho Junior e do diretor-presidente da Portos do Paraná, Luiz Fernando Garcia, registro meus parabéns pela conquista dessa importante premiação e reitero o compromisso da Liderança do Governo em seguir apoiando e modernizando os nossos portos”, afirmou Hussein Bakri.
O reconhecimento veio no Prêmio Portos + Brasil, concedido pelo Ministério de Portos e Aeroportos em Brasília, no último dia 9 de agosto. Os portos de Paranaguá e Antonina alcançaram novamente nota máxima no Índice de Gestão das Autoridades Portuárias (IGAP) na principal categoria entre os portos públicos brasileiros: 100 pontos.
O indicador é considerado o mais importante para atestar a capacidade de gerência dos portos. Ele analisa 15 métricas: índices financeiros, contábeis, eficiência operacional, transparência administrativa, estrutura organizacional, regularidade tributária e trabalhista, manutenção dos acessos aquaviários, entre outros.
O Paraná ainda foi destaque em duas categorias. A empresa pública estadual conquistou o primeiro lugar na categoria Variação do Lucro Operacional (EBITDA). O mercado financeiro utiliza o indicador para analisar as práticas contábeis e avaliar a situação financeira, econômica e mercadológica de uma companhia.
Outro ponto alto foi na categoria crescimento de movimentação de carga geral, na qual se obteve o segundo lugar. A métrica mede a quantidade de carga geral movimentada, como cargas em contêineres e veículos, além de produtos em sacas, fardos ou unidades, carregados direto nos porões dos navios.
Esse reconhecimento nacional aos portos de Paranaguá e Antonina ocorre em meio à superação de novas marcas históricas. De janeiro de 2019 a junho de 2023, foram 257,2 milhões de toneladas de cargas movimentadas, além de recorde de melhor semestre em 50 anos em 2023, maior embarque em 24 horas e maior número de caminhões atendidos no Pátio de Triagem.
Nos últimos quatro anos, a empresa pública investiu R$ 543,8 milhões nos portos paranaenses. Somente neste ano, as obras em andamento já somam R$ 91,5 milhões. Merece destaque ainda a atração de novos investimentos privados com leilões realizados pela autoridade portuária na B3 na ordem de R$ 3,3 bilhões. Desde 2019, foram quatro novos terminais licitados, voltados para movimentação de celulose, veículos, carga geral, granéis líquidos, além de contratos de arrendamentos que foram renovados. Além disso, duas áreas tiveram as consultas e audiência públicas realizadas e uma está com sessão pública marcada.
De olho no futuro, os portos paranaenses projetam investimentos de R$ 2,3 bilhões, públicos e privados. As obras envolvem o Corredor de Exportação Leste em Paranaguá, a construção do Moegão para descargas ferroviárias, dragagem, novos silos, armazéns e esteiras transportadoras, entre outros.

Comentários estão fechados.

Veja Também

Aliel recebe homenagem da Frente da Preservação do Meio Ambiente

Deputado ponta-grossense é o único parlamentar a receber o “Prêmio Economia Verde”, …