Home Notícias Regionais Prefeitura cede Guarda Municipal para atendimento às mulheres vítimas de violência na Delegacia de Irati

Prefeitura cede Guarda Municipal para atendimento às mulheres vítimas de violência na Delegacia de Irati

0

Atendendo a uma solicitação da 41ª Delegacia de Polícia Civil de Irati, a guarda municipal, Patrícia Izaura Bonato Pedroso dos Santos, que também é assistente social, foi cedida pela Prefeitura de Irati para prestar assistência às mulheres vítimas de violência. Esta medida tem o objetivo de humanizar o atendimento exclusivo.

Patrícia já está trabalhando na nova função na Delegacia. “Anteriormente, na maioria das vezes, mulheres que sofriam violência e procuravam a Delegacia para receber orientação, fazer Boletim de Ocorrência, exame de lesões corporais ou solicitar medida protetiva, eram ouvidas por investigadores do sexo masculino. A partir de agora, teremos este trabalho exclusivo entre mulheres, ou seja, mulher ouvindo mulher”, pontuou Patrícia, que fará a mediação com o trabalho que já é executado pela Patrulha Maria da Penha.

A guarda municipal, que foi cedida pela Secretaria de Segurança Pública do município, acredita que a atenção e o cuidado com a segurança das mulheres demonstram a importância que o Executivo, o Legislativo e o Judiciário têm dado ao trabalho a ser realizado junto às vítimas de violência doméstica. “É claro que este olhar de uma mulher ouvindo a outra tem mais delicadeza, um ‘feeling’ e contato melhor. Tenho certeza de que, algum tipo de violência, várias mulheres já sofreram na vida, seja no ambiente profissional, educacional ou familiar. É muito difícil você ter a intimidade de falar com uma pessoa estranha e do gênero masculino”, explica a GM, que comemora esta conquista do município como um grande avanço no combate à violência contra a mulher.

Na opinião do delegado Paulo Ribeiro, a presença da guarda municipal, dentro da Delegacia representa um momento histórico para o município, resolvendo um dos maiores problemas da segurança pública. “Vai trazer um atendimento mais humanizado para as mulheres da cidade. Todo atendimento, a partir da celebração deste convênio, será conduzido por uma mulher, que é especialista e profissional nesta área. Ela vai acolher a mulher no que ela precisa, no que diz respeito à segurança pública, e dar os encaminhamentos devidos nos casos de violência doméstica”. Ribeiro ainda destaca que este é um importante passo que contribui muito para o desenvolvimento da segurança na tentativa de diminuir os casos de violência doméstica em Irati.

O prefeito Jorge Derbli e a vice-prefeita, Ieda Waydzik, também relataram que se sentem muito felizes em poder atender a esta demanda trazida pelo delegado, disponibilizando uma servidora especializada, que vai beneficiar o atendimento às mulheres iratienses, que buscam segurança e conforto em um momento difícil.

Comentários estão fechados.

Veja Também

VÍDEO – PRF atende incêndio de veículo em Ponta Grossa

Hoje ( 19 ) pela manhã no km 172 da BR373, pista marginal da Souza Naves, uma Fiat Strada …