Home Saúde Máscaras N95 são melhores contra Covid-19, diz pesquisador

Máscaras N95 são melhores contra Covid-19, diz pesquisador

0
clique aqui e receba nossas notícias:

Paulo Artaxo,  é professor do Instituto de Física da USP, que produziu uma pesquisa sobre a eficiência de cada tipo de máscara comercializada hoje contra a Covid-19. Paulo.

Professor, o senhor produziu uma pesquisa que avaliou a eficiência de filtração de 227 modelos de máscaras vendidas no Brasil para saber em que medida a população está realmente protegida. Quais foram as conclusões desse estudo?

“A eficiência de proteção das pessoas pelos diferentes tipos de máscaras varia muito. As melhores máscaras, como esperado, são as chamadas N95 que são máscaras profissionais, elas têm eficiência de coleção de partículas muito boa. Mas tem um custo alto. Em segundo lugar, vieram as chamadas máscaras cirúrgicas, são essas máscaras que você compra na farmácia, custam cinco, sete reais cada uma e elas são feitas de tecido não tecido, chamado TNT. E, por último, as máscaras de pano. As máscaras de pano, dependendo de como você faz, se você faz com uma, duas ou três camadas, elas têm eficiência de proteção da sua saúde que varia muito. Algumas máscaras de pano, muito porosas, têm eficiência baixa, só de 20% de coleta do vírus. Outras máscaras de pano, feitas com tecido com trama mais fechada, têm uma eficiência maior, às vezes na ordem de 60% a 70% por cento.”

Porque a máscara mais utilizada hoje é aquela de pano, que as autoridades em saúde chegaram até a produzir campanhas de como fazer. O que mudou do começo da pandemia para esse momento de agora? Elas devem ser abandonadas?

“Não, elas não devem ser abandonadas. A melhor proteção contra o Covid é: primeiro, a vacina. Segundo: usar máscara toda vez que você estiver em público, sem exceção. E terceiro: distanciamento social para dificultar a propagação do vírus. Então, máscaras são um instrumento essencial no controle da pandemia. O ideal seria a população se proteger com máscaras cirúrgicas, dessas que a gente compra em farmácia. Elas são razoavelmente bem padronizadas. Agora, se você quer usar sua máscara de pano, cuide para que o ajuste da máscara no seu rosto seja o melhor possível. De preferência, use aqueles clipes metálicos no nariz, porque, obviamente, em qualquer buraco que possa ter, o ar vai passar por ali sem ser filtrado, invés de passar pelo tecido que oferece alguma proteção.”

Pela sua explicação, a melhor máscara é a N95/PFF2, caso a pessoa passe a utilizar essa máscara, como deve ser feito esse uso? Elas podem ser lavadas, reutilizadas?

“Olha, algumas dessas máscaras são laváveis, sim. Você pode lavar uma ou duas vezes, por exemplo. Deixe secar bem essas máscaras no sol, porque o vírus não tolera a radiação ultravioleta do sol. A luz do sol é uma das coisas mais eficientes para o vírus não sobreviver.”

E a pessoa que está utilizando uma boa máscara, de forma correta, ainda corre risco de se contaminar em um ambiente fechado, sem circulação de ar?

 “Corre, sem dúvida nenhuma. O ambiente tem que ser o máximo possível ventilado para diminuir a propagação do vírus. Muitos exemplos no exterior foram feitos de pessoas contaminadas que vão para o restaurante, por exemplo, e acabam contaminando cinco ou dez pessoas nas mesas próximas, a mesa onde aquela pessoa está. Se você vai para um lugar, você tem que evitar aglomerações o máximo possível, mas se você vai para um lugar que tenha aglomerações, fuja dele, não se aglomere com outras pessoas, porque é assim que o vírus se propaga. Manter o distanciamento social é a melhor coisa que você pode fazer para proteger a sua saúde e a saúde da sua família.”

 

Comentários estão fechados.

Veja Também

JÁ ESTÁ FICANDO DE LADO! Número de pessoas que lavam as mãos com frequência é menor do que no início da pandemia

Medidas das mais eficazes para evitar contaminações não apenas pelo novo coronavírus, mas …