Home Política Cidades do Asfalto Novo, Vida Nova devem assinar termo de adesão ao programa

Cidades do Asfalto Novo, Vida Nova devem assinar termo de adesão ao programa

0
AGÊNCIA REBOUÇAS- Rua: José Afonso Vieira Lopes, 303 - Centro, Tel (42) 3457-1100

O deputado Luiz Claudio Romanelli, líder do PSD na Assembleia Legislativa, orientou nesta quarta-feira, 19, os prefeitos das cidades contempladas pelo Asfalto Novo, Vida Nova, da importância da assinatura do termo de adesão ao programa que vai atender 155 municípios paranaenses com até sete mil moradores.

“Após a assinatura de adesão, as prefeituras têm 180 dias para apresentar os projetos de pavimentação, de iluminação e de galerias de águas pluviais”, disse Romanelli. O plano diretor, segundo o deputado, também deve estar vigente. O Estado vai repassar R$ 5 milhões para cada prefeitura para asfaltar 100% das ruas urbanas da cidade.

Nove municípios representados por Romanelli junto ao governo do Estado serão atendidas nesta primeira fase do programa:  Japira, Jundiaí do Sul, Porto Rico, Rancho Alegre D’Oeste, Santa Cecília do Pavão, Santo Antônio do Caiuá, São João do Caiuá, Sapopema e Sertaneja. “Este é um programa que está sendo feito com recursos da Assembleia Legislativa e do Governo do Estado. É o terceiro ano que esta parceria está em pleno funcionamento”

Projetos – O presidente da AMP (Associação dos Municípios Paranaenses) e prefeito de Santa Cecília do Pavão, Edimar Santos (PSD), disse que todas as informações referentes a adesão e projetos são fundamentais para atender todas as cidades com até sete mil moradores. “Queremos dar agilidade ao programa para atender rapidamente os municípios. Os técnicos da Paranacidade e a AMP vão orientar os prefeitos sobre todas as etapas dos projetos. As equipes técnicas das prefeituras são ótimas, fazem um excelente trabalho, mas estamos à disposição”.

O programa prevê, além da pavimentação, a substituição de todas as luminárias das redes de iluminação pública por unidades a LED, mais eficientes e mais econômicas; e o plantio de árvores nativas como compensação do carbono produzido na execução das obras de pavimentação.

Os projetos de pavimentação devem incluir a implantação de calçadas com acessibilidade e serviços de drenagem. Para iluminação serão destinados recursos adicionais, de acordo com a necessidade de investimento de cada município.

Comentários estão fechados.

Veja Também

LDO DE 2025 REFLETE FORÇA ECONÔMICA DO PARANÁ, AVALIA DEPUTADO LUIZ CLAUDIO ROMANELLI (PSD)

O deputado Luiz Claudio Romanelli (PSD) considera que o projeto de Lei de Diretrizes Orçam…