Home Geral Carteira de Trabalho Digital ultrapassa 344 milhões de acessos

Carteira de Trabalho Digital ultrapassa 344 milhões de acessos

0
AGÊNCIA REBOUÇAS- Rua: José Afonso Vieira Lopes, 303 - Centro, Tel (42) 3457-1100

A Carteira de Trabalho e Previdência Social (CTPS Digital) é o aplicativo mais baixado no portal Gov.br, chegando a mais de 344 milhões de acessos. Desenvolvido pela Dataprev para a Secretaria Especial de Previdência e Trabalho, o recurso registrou um aumento expressivo de novos usuários desde o ano passado, tendo mais de 270 milhões de acessos apenas em 2020.

Todas as experiências profissionais estão disponíveis para o trabalhador e o empregador com o documento digital. O aplicativo permite que o cidadão consulte pela internet informações sobre contratos de trabalho antigos e atuais, solicite o seguro-desemprego e acompanhe o andamento da concessão de benefícios como o Abono Salarial e o Benefício Emergencial de Manutenção do Emprego e da Renda (BEm).

De agora em diante, todos os contratos de trabalho e anotações serão feitos apenas eletronicamente e poderão ser acompanhados a qualquer momento pela internet. Aqueles que já tinham o documento em papel, poderão guardá-lo apenas como forma de comprovação de trabalhos anteriores.

Como obter a CTPS Digital?

Pelo celular: é só baixar o app Carteira de Trabalho Digital, disponível para Android e iOS. Na versão Mobile, tem a opção de receber notificações sobre as movimentações em seu Contrato de Trabalho.

Pelo computador: acesse o portal Gov.br e busque por “Carteira de Trabalho Digital”. Depois clique em Solicitar. Por último, em “Quero Me Cadastrar”. Preencha os campos com os seus dados, seguindo o passo a passo. Se o sistema informar que você já tem cadastro, volte para a tela da senha de acesso, clique no botão “Já Tenho Cadastro”, e siga as orientações.

 

Comentários estão fechados.

Veja Também

Hospital de Caridade Dona Darcy Vargas em Rebouças: “outro” Processo de Execução Judicial, agora pela Caixa Econômica Federal

Na segunda-feira, 3 de junho, chegou ao conhecimento da nossa reportagem que a Caixa Econô…