Home Geral Alimentos certos garantem mais disposição para as atividades

Alimentos certos garantem mais disposição para as atividades

0
AGÊNCIA REBOUÇAS- Rua: José Afonso Vieira Lopes, 303 - Centro, Tel (42) 3457-1100

Neste período de retorno gradual das atividades é normal algumas pessoas terem dificuldade para sentir a mesma disposição de antes da pandemia.

A Covid-19 causou mudanças nos hábitos de vida e de trabalho, prejudicou o sono e provocou desgaste físico e mental em boa parte da população.
Alguns dos relatos são de cansaço, perda de memória ou sintomas emocionais.

Pesquisas apontam crescimento de 80 por cento nos casos de estresse e ansiedade, nesse período de pandemia.
O desafio agora é recuperar o ânimo, estimular o cérebro e se preparar para o chamado novo normal, que exige a incorporação das medidas de proteção ao coronavírus ao nosso dia a dia.

A secretária de Saúde de Rebouças, Tania Selhorst lembra algumas dicas para estimular o raciocínio e ter mais disposição, com a ajuda dos alimentos.  Ela destaca a importância de uma alimentação saudável para a saúde cerebral:

“Um dos compostos mais importantes são os flavonóides, eles estão presentes em diversos alimentos. Nas frutas legumes verduras e são de extrema importância para o cérebro porque eles possuem uma ação anti-inflamatória e antioxidante e isso vai contribuir para diminuição da morte dos neurônios,  porque eles auxiliam na melhora do fluxo de sangue no cérebro e contribui para saúde dessas veias e artérias dessa região melhorando também a distribuição dos nutrientes para as células cerebrais e aí mantém essas funções de maneira saudável como a memória o raciocínio cansaço além de prevenir doenças neurodegenerativas “, informa.

Outros alimentos  também importantes para o cérebro. Tania lembra que os flavonoides estão presentes principalmente nas frutas vermelhas:

“Como maçã vermelha, cereja,  morango, amora, acerola mas também estão em frutas arroxeadas como a uva roxa. Além disso temos os vegetais como espinafre, brócolis e  couve. Eles possuem outra substância chamada carotenóides, que exercem também um efeito muito importante que é o efeito antioxidante E aí vai atuar como um neuroprotetor dessa região cerebral . além disso há ainda  outros nutrientes – por exemplo o ômega 3, folato,  zinco e as vitaminas A, C, D e  E”, enumera a secretária.

Outra medidas recomendadas para a saúde cerebral são a prática de atividades físicas, a redução do estresse e a estimulação intelectual e social.

Comentários estão fechados.

Veja Também

Hospital de Caridade Dona Darcy Vargas em Rebouças: “outro” Processo de Execução Judicial, agora pela Caixa Econômica Federal

Na segunda-feira, 3 de junho, chegou ao conhecimento da nossa reportagem que a Caixa Econô…