Home Saúde Secretaria da Saúde começa a distribuir nesta terça-feira vacinas contra Covid-19 para trabalhadores da educação

Secretaria da Saúde começa a distribuir nesta terça-feira vacinas contra Covid-19 para trabalhadores da educação

0
clique aqui e receba nossas notícias:

Paralelamente à volta às aulas presenciais em cerca de 200 colégios da rede pública nesta segunda-feira, a imunização dos trabalhadores da educação no Paraná também se inicia nesta semana. O primeiro lote destinado ao grupo prioritário será distribuído às 22 Regionais de Saúde do Estado nesta terça-feira. As 32.760 doses estão armazenadas no Cemepar, o Centro de Medicamentos do Paraná desde o dia 3 de maio. São vacinas Covishield, fabricadas pela parceria entre Universidade de Oxford, AstraZeneca e Fiocruz. O quantitativo integra a 16ª remessa de imunizantes recebidos pelo Paraná através do Ministério da Saúde. Houve atualização na divisão em relação ao que foi divulgado na semana passada. A indicação é que os municípios vacinem os trabalhadores da educação por idade, iniciando pela faixa entre 55 e 59 anos. Nesse primeiro momento, apenas os da Educação Básica serão atendidos, dentro da estratégia casada com o retorno das aulas. A recomendação é que seja apresentado documento que comprove a vinculação do profissional com a escola ou apresentação de declaração emitida pela instituição de ensino. As doses representam 20% do grupo de trabalhadores da educação previsto pelo Plano Estadual de Vacinação contra a Covid-19, estimado em 169 mil e 57 pessoas. Neste número, estão contabilizados profissionais da rede pública estadual e municipal, da rede privada e da assistência social. Há, ainda, outros 54 mil e 110 do Ensino Superior, também no grupo prioritário, mas que serão atendidos num segundo momento. Além deste percentual, cerca de 8 mil trabalhadores já foram imunizados por terem idade acima de 60 anos, grupo prioritário já contemplado pela vacinação no Paraná. De acordo com o Vacinômetro da Secretaria estadual de Saúde, foram aplicadas um milhão, 935 mil e 530 primeiras doses e um milhão, 56 mil e 83 doses de reforço, totalizando 2 milhões, 991 mil e 613 vacinas até a manhã desta segunda-feira. Atualmente, o Estado avança na imunização de grávidas e mulheres que tiveram filho recentemente, trabalhadores da segurança, salvamento e Forças Armadas, pessoas com comorbidades e pessoas com deficiência permanente.

 

Comentários estão fechados.

Veja Também

JÁ ESTÁ FICANDO DE LADO! Número de pessoas que lavam as mãos com frequência é menor do que no início da pandemia

Medidas das mais eficazes para evitar contaminações não apenas pelo novo coronavírus, mas …