Home Saúde Rebouças: Equipe da saúde se prepara e se capacita para a vacinação contra Covid-19

Rebouças: Equipe da saúde se prepara e se capacita para a vacinação contra Covid-19

0

A Secretaria Municipal de Saúde de Rebouças, por meio da Vigilância Epidemiológica, está se preparando e se capacitando para a chegada da vacina contra a Covid-19.

Nestes dias 14 e 15 de janeiro as equipes de vacinadores, juntamente com a coordenadora em Saúde, Eva Ruppel estão participando de treinamento, realizado pela Secretaria de Estado da Saúde, para a realização da imunização.
“É fundamental essa preparação agora, para quando a vacina chegar, o trabalho de vacinação seja ainda mais eficiente, ágil e adequado ao momento”, frisa Eva Ruppel.
Eva lembrou que, agora mais do que nunca é extremamente importante a colaboração da população, mantendo os cuidados necessários para se evitar a proliferação do contágio pelo coronavírus.
“Na primeira semana de janeiro, tivemos 19 casos confirmados . É muito importante continuar os cuidados, já que estamos tão perto do início da vacinação”, lembra Eva.(ver infográfico abaixo*)
Nesta quinta-feira (14), o ministro da Saúde, Eduardo Pazuello, disse a prefeitos que a vacinação em todo o país deve começar no dia 20 de janeiro, às 10h.
A secretária de Saúde Tania Selhorst destaca a dedicação de todos os profissionais de Saúde do município. “Desde quando iniciou a pandemia, todos os nossos profissionais da Saúde de Rebouças estão vivendo e enfrentando a atual realidade, buscando sempre oferecer à população o melhor atendimento possível”, destaca.
Cabe lembrar que o Paraná irá seguir o Plano Nacional de Imunização (PNI) para aplicação das doses contra a Covid-19. Isso significa que o estado seguirá uma ordem prioritária de grupos para a vacinação.
O governo informou que os seguintes grupos serão vacinados até o fim do 1º semestre de 2021:
Primeira fase
• Trabalhadores da saúde;
• Idosos a partir dos 75 anos de idade;
• Pessoas com 60 anos ou mais que vivem em instituições de longa permanência, como asilos e instituições psiquiátricas;
• População indígena.
Segunda fase
• Pessoas de 60 a 74 anos.
Terceira fase
• Pessoas com comorbidades, que possuem doenças renais crônicas, cardiovasculares, entre outras.

*Infográfico Rebouças – Covid:

 

Comentários estão fechados.

Veja Também

Rebouças – Ao vivo, Executivo presta homenagem aos profissionais de Saúde

Dando sequência às visitas pelas unidades de Saúde do município, na tarde deste dia 17 de …