Home Notícias Regionais REBOUÇAS – Diagnóstico do TCE mostra situação de políticas públicas

REBOUÇAS – Diagnóstico do TCE mostra situação de políticas públicas

0
AGÊNCIA REBOUÇAS- Rua: José Afonso Vieira Lopes, 303 - Centro, Tel (42) 3457-1100

Com a implantação, de forma inédita, de um novo formato de avaliação das contas públicas, o Tribunal de Contas do Estado do Paraná (TCE-PR) acaba de obter um diagnóstico da situação dos 399 municípios paranaenses em seis áreas: educação; saúde; assistência social; administração financeira; previdência social; e transparência e relacionamento com o cidadão. Os números foram obtidos por meio do Programa de Avaliação de Contas Municipais de Governo (ProGov).

Esse diagnóstico foi apresentado numa entrevista coletiva à imprensa, nesta sexta-feira (5 de maio), pelos conselheiros Fernando Guimarães, presidente do Tribunal; e Ivens Linhares, vice-presidente da Corte e membro do Comitê Deliberativo do ProGov. VEJA DETALHAMENTO ABAIXO:

 

CLIQUE AQUI, PARA VER DETALHAMENTO EM OUTROS MUNICÍPIOS

“Com esse trabalho, estamos fornecendo informações de qualidade para que o cidadão possa avaliar os resultados das políticas públicas e cobrar seus gestores”, afirmou Guimarães. O conselheiro Linhares reforçou que, com a utilização rotineira dessa metodologia na análise das prestações de contas anuais (PCAs) dos prefeitos será possível avaliar, em cada município, a evolução das sucessivas gestões.

A partir de 2022, o TCE-PR passa a avaliar a atuação dos gestores municipais na implementação de políticas públicas em diversas áreas, além de proceder à análise da regularidade ou não da execução orçamentária e financeira dos recursos públicos municipais. Caberá às câmaras municipais julgar os pareceres prévios emitidos pelo Tribunal a respeito das contas anuais dos prefeitos, que passarão a avaliar também a efetividade e a eficácia dos serviços essenciais prestados aos cidadãos.

Para chegar a um diagnóstico de cada município, o órgão recebeu respostas a questionários solicitados a 18.816 servidores públicos, dos 399 municípios paranaenses. Os questionários foram respondidos por secretários municipais, diretores e coordenadores de escolas, nutricionistas, responsáveis pela gestão de Unidades Básicas de Saúde (UBS) e pelos Centros de Referência em Assistência Social (Cras), dentre outros servidores municipais. Essas informações vão balizar agora a análise das prestações de contas dos prefeitos relativas ao ano de 2022.

 

Fonte: TCE/PR

Comentários estão fechados.

Veja Também

Rebouças- Aluno é bronze na Olimpíada Brasileira de Matemática

Hoje, 13 de abril, o Colégio Estadual do Campo, localizado em Faxinal dos Francos, área  r…