Home Saúde Paraná ultrapassa 1.000 leitos de UTI para pacientes da Covid-19

Paraná ultrapassa 1.000 leitos de UTI para pacientes da Covid-19

0
clique aqui e receba nossas notícias:

O Paraná chegou, nesta quarta-feira, a 1.017 novos leitos de Unidade de Terapia Intensiva para adultos na rede exclusiva de atendimento contra o novo coronavírus. A marca de mil foi ultrapassada com a abertura de 20 leitos de UTI no Hospital Regional de Guarapuava e seis no Hospital Regional do Litoral, em Paranaguá, ambos na macrorregional Leste. A estrutura atual representa aumento de 76,5% em relação ao estoque de leitos antes da pandemia, que era de 1.329. As UTIs foram montadas em apenas 130 dias e a previsão é alcançar 1.241 leitos em agosto, o que faria o Estado praticamente dobrar a oferta de unidades avançadas no SUS. Todos contam com respiradores, ventiladores e os sistemas de gases. O governador Carlos Massa Ratinho Junior destacou que, em poucos meses, o Estado abriu praticamente a totalidade de leitos de UTI que foram disponibilizados para a população nos últimos 30 anos.

Dos 1.017 leitos para tratamento da Covid-19, 194 já existiam e foram remanejados para esta finalidade, e os outros 817 foram criados em hospitais públicos e filantrópicos credenciados nas quatro macrorregionais de Saúde. Há também leitos em estruturas totalmente novas, casos dos hospitais regionais de Telêmaco Borba, Guarapuava e Ivaiporã. Esses leitos estão distribuídos em 54 unidades médicas de 33 municípios. O governo também entregou novas alas novas nos hospitais universitários de Londrina, Cascavel, Ponta Grossa e Maringá, além de 1.557 leitos de enfermaria, 49 UTIs pediátricas e 70 enfermarias para crianças em todas as regiões do Estado. Os equipamentos ficarão como legado para a saúde pública após a pandemia. A estratégia regionalizada, adotada desde o começo do ano passado para atender o cidadão o mais próximo possível de casa e evitar o trânsito de ambulâncias, foi ampliada neste ano na formatação dessa rede de leitos exclusivos para UTI. O Estado recebeu cerca de 130 milhões de reais dos outros Poderes e aportou recursos próprios, com prioridade de investimento em estruturas permanentes já consolidadas nos municípios, em vez de abrir hospitais de campanha, que têm caráter temporário. O secretário de Estado da Saúde, Beto Preto, reforçou que o Governo do Paraná tem atuado para expandir o quanto for possível a rede.

Somente nos últimos 30 dias houve aumento de 268 leitos de UTI e 386 de enfermaria. Já na próxima segunda-feira serão entregues mais 14 leitos de enfermaria no Centro Hospitalar de Reabilitação, em Curitiba. Segundo Beto Preto, ao longo de todo esse período a secretaria tem conseguido manter a ocupação dos leitos dentro de um patamar controlável, atendendo todos os pacientes. Porém, como os recursos são finitos, a colaboração da população seguirá sendo fundamental. Nesta quarta-feira, o Hospital Regional de Guarapuava começou a receber pacientes. A unidade abriu inicialmente 80 leitos, sendo 20 de UTI e 60 enfermarias, para atender pacientes Covid-19. A segunda fase, com finalização prevista para dezembro, prevê mais 10 leitos de UTI e 20 de enfermaria. O investimento total por parte do Governo do Estado foi de 115 milhões e 400 mil reais no Hospital Regional de Guarapuava. Após a pandemia, a estrutura atuará como referência para Urgência e Emergência, com perfil direcionado à ortopedia e trauma, cirurgia geral e clínica médica, beneficiando vinte municípios da região. A Secretaria de Estado da Saúde também habilitou seis leitos de UTI no Hospital Regional do Litoral, em Paranaguá, e 30 leitos de enfermaria no Hospital do Idoso, em Curitiba. Na unidade litorânea foram implementados 20 leitos de UTI desde o começo da expansão da Covid-19. Antes da pandemia o Estado tinha 1.329 leitos de UTI para o SUS espalhados pelo Paraná, além de 181 UTIs pediátricas. No geral, eram 3.603 leitos de atendimento especializado, entre públicos e particulares, adultos e infantis.

Comentários estão fechados.

Veja Também

Toda a população adulta do Paraná será vacinada com a 1ª dose contra a Covid-19 até setembro

O governador Carlos Massa Ratinho Junior anunciou nesta segunda-feira (14), no Palácio Igu…