Home Saúde Paraná tem 5.343 casos de dengue confirmados

Paraná tem 5.343 casos de dengue confirmados

0

O primeiro boletim do ano sobre a dengue, divulgado nesta terça-feira pela Secretaria de Estado da Saúde, registra 5.343 casos da doença confirmados no Paraná. São 2.050 casos a mais do que no informe anterior, publicado em 17 de dezembro, um aumento de 62,25%. Os números referem-se ao monitoramento a partir de agosto do ano passado. Há confirmações em 160 municípios e 274 cidades têm notificações de dengue que incluem os casos suspeitos e em investigação. São 23.141 notificações em todo o Estado. O boletim traz 15 municípios em situação de epidemia. Entraram neste mês para a relação Juranda, Peabiru, Diamante do Norte e Guairaçá. Já estavam, e seguem em situação de epidemia, Nova Cantu, Quinta do Sol, Inajá, Santa Isabel do Ivaí, Ângulo, Colorado, Doutor Camargo, Floraí, Paranacity, Uniflor e Florestópolis. As cidades estão localizadas nas regiões de Campo Mourão, Paranavaí, Maringá e Londrina. Segundo o secretário de Estado da Saúde, Beto Preto, cerca de 80% dos criadouros do mosquito transmissor da dengue estão nas casas, nos quintais e ambientes internos.

De acordo com o boletim, o município com maior número de casos confirmados é Santa Isabel do Ivaí, no Noroeste, com 746 ocorrências. Também ganham destaque outras situações preocupantes, como a de Florestópolis, que faz parte da 17ª Regional de Londrina. O município, com cerca de 11 mil habitantes, tem 169 casos confirmados de dengue e Londrina, com 564 mil moradores, registra 148 casos. O secretário Beto Preto esteve em Florestópolis, Quinta do Sol e Matinhos recentemente, participando de mobilizações de combate à dengue. De agosto de 2019 até o momento, o boletim da secretaria estadual e o Sistema Nacional de Agravos de Notificações confirmam duas mortes por dengue no Estado, no município de Nova Cantu, ambas no final do ano passado, como lembrou o secretário Beto Preto.

O Comitê Intersetorial de Controle da Dengue no Estado do Paraná, instituído em 18 de dezembro pelo governador Carlos Massa Ratinho Junior, fará a primeira reunião nesta quinta-feira. O grupo, coordenado pela Secretaria da Saúde, é formado por representantes de órgãos e secretariais estaduais e tem o objetivo de implementar ações de mobilização para a intensificação do combate à dengue.

Comentários estão fechados.

Veja Também

REBOUÇAS – Ficar estressado pode contribuir para o ganho de peso

Tania Selhorst, secretária municipal de Saúde de Rebouças comentou que estudos apontam o f…