Home Política DESENROLA JÁ RESOLVEU A VIDA DE 3,5 MILHÕES DE BRASILEIROS, DIZ DEPUTADO LUIZ CLAUDIO ROMANELLI (PSD)

DESENROLA JÁ RESOLVEU A VIDA DE 3,5 MILHÕES DE BRASILEIROS, DIZ DEPUTADO LUIZ CLAUDIO ROMANELLI (PSD)

0
AGÊNCIA REBOUÇAS- Rua: José Afonso Vieira Lopes, 303 - Centro, Tel (42) 3457-1100

O deputado Luiz Claudio Romanelli (PSD) disse nesta segunda-feira, 4, que o programa Desenrola já resolveu a vida de 3,5 milhões de brasileiros inadimplentes nos serviços de créditos prestados pelos bancos e outros agentes financeiros no país. “O Desenrola foi criado pelo governo federal para solucionar a vida dos 70 milhões de brasileiros que estão no Serasa, no SPC, ou seja, pessoas que com pequenas dívidas acabaram perdendo acesso ao crédito”, disse.

O programa criado em junho já atendeu, segundo Romanelli, 3,5 milhões de pessoas. “Foi um primeiro passo muito importante. A inadimplência torna-se um ciclo vicioso. Com um salário baixo, o trabalhador perde a renda e com os juros altos, entra no cartão de crédito, nas prestações que não consegue pagar, e as dificuldades só tendem a crescer e tudo na vida fica muito complicado”, avalia.

“O Desenrola é uma forma de passar a limpo a vida de 70 milhões de brasileiros. É um avanço importante e fico feliz com o governo por ter tomado essa iniciativa porque resolve a vida dos brasileiros que estão endividados”, completa.

Ao mesmo tempo, segundo o deputado, recoloca as famílias no mercado de consumo e podem novamente ter crédito, ou seja, voltar comprar os bens de consumo duráveis, fundamentais na vida das pessoas. “Essa é uma ótima iniciativa do Ministério da Fazenda que está incluindo de novo esses brasileiros no mercado de consumo”, completa.

Como funciona

O Programa Desenrola facilita o pagamento de dívidas de até R$ 5 mil para cerca de 70 milhões de brasileiros inadimplentes. São contempladas as dívidas de famílias com renda de até dois salários mínimos (R$ 2.640), e que tenham sido contraídas pelos devedores até o fim de 2022.

Além disso, qualquer credor que deseje participar do Desenrola deverá abonar dívidas que estejam em aberto no valor de até R$ 100. De acordo com cálculos do Ministério da Fazenda, cerca de 1,5 milhão de brasileiros se encontram nessa situação e poderão voltar a ter o nome limpo caso as instituições entrem no programa.

Pesquisa da Fecomércio aponta que 94,7% das famílias paranaenses estavam endividadas em junho, mas a parcela de inadimplentes baixou de maio para junho, 19,3% para 17,1%.  O Paraná está em segundo lugar no ranking brasileiro do endividamento, atrás apenas de Minas Gerais e acima da média nacional de 78,5%.

As dívidas no cartão de crédito são o principal motivo de endividamento. A pesquisa também mostra que os paranaenses que ganham mais, também estão se endividando mais, uma tendência mundial.

Comentários estão fechados.

Veja Também

DEPUTADO LUIZ CLAUDIO ROMANELLI (PSD) CRITICA FAKE NEWS SOBRE TRAGÉDIA GAÚCHA

O deputado Luiz Cláudio Romanelli (PSD) reafirmou nesta quarta-feira, 8, a necessidade de …