Home Geral Controladoria-Geral já recebeu 200 denúncias de pessoas que teriam furado a fila da vacinação contra a covid-19 no Paraná.

Controladoria-Geral já recebeu 200 denúncias de pessoas que teriam furado a fila da vacinação contra a covid-19 no Paraná.

0

A Controladoria-Geral do Estado já recebeu 200 denúncias de pessoas que teriam furado a fila da vacinação contra a covid-19. O órgão estadual recebe denúncias por meio da Ouvidoria, cruza informações, visita prefeituras que receberam as doses e a partir dessa semana passa a publicar a lista das regionais de saúde com a quantidade de suspeitas de fura-filas. As informações vão ser divulgadas na página Paraná sem Fura-Fila, no portal coronavirus.pr.gov.br, na área destinada à Vacinação, onde também é possível registrar denúncias. A regional de saúde de Curitiba e Região Metropolitana foi a que registrou maior número de denúncias até o momento, seguida de Jacarezinho e Campo Mourão.

Liminar manda Prefeitura de Maringá reduzir secretarias e cortar cargos.

A Justiça determinou que a prefeitura de Maringá, norte do Paraná, desfaça a reforma administrativa implantada neste ano. Com a decisão, o município terá uma redução de quatro secretarias, além da extinção de 22 cargos e 28 funções gratificadas. A ação foi ajuizada pelo vereador Rafael Roza (PROS), que alegou que a reforma administrativa aumentaria em R$ 2,1 milhões os gastos do município. Para o juiz, o aumento de gastos com a reforma contraria a lei do Governo Federal que limita o aumento de gastos públicos em razão da pandemia causada pelo novo coronavírus. A reforma administrativa foi aprovada pela Câmara Municipal. De acordo com o juiz, a ordem é para que a prefeitura retome o organograma de dezembro.

Comentários estão fechados.

Veja Também

Consumidor deverá gastar em média R$ 131 com o presente do Dia dos Pais

Empresários do comércio, dos serviços e da indústria estão mais otimistas com a venda para…