Home Saúde Campanha da vacina da gripe começa nesta segunda-feira e a do sarampo acompanha

Campanha da vacina da gripe começa nesta segunda-feira e a do sarampo acompanha

0

Começa nesta segunda-feira a Campanha de Vacinação contra a Influenza. Ela costuma ser feita em abril, mas foi antecipada por causa da pandemia do coronavírus. A campanha segue até o dia 22 de maio, com o dia D de mobilização nacional marcado para o dia 9 de maio. O objetivo da antecipação da campanha é evitar o aumento de doenças respiratórias e a sobrecarga do sistema de saúde. A Influenza é uma infecção viral aguda do sistema respiratório, altamente transmissível. Os sintomas são febre alta, dores musculares, dor de cabeça e dor de garganta. Se não for tratada, pode provocar complicações, evoluir para pneumonia e provocar até a morte. A transmissão ocorre por meio de secreções das vias respiratórias da pessoa contaminada, ao falar, tossir ou no contato pelas mãos. O secretário da Saúde, Beto Preto, disse que a vacina contra a gripe não diminui o risco de contágio por coronavírus, mas ela ajuda a reduzir as complicações, internações e, principalmente, a mortalidade por infecções causadas pela influenza.

Neste ano, a Campanha Nacional de Vacinação contra a Influenza acontece em três fases. O primeiro grupo a receber a dose são os idosos a partir de 60 anos e os profissionais da área da saúde. A segunda fase começa no dia 16 do mês que vem para professores das escolas públicas e privadas, profissionais das forças de segurança e salvamento, portadores de doenças crônicas não transmissíveis e outras condições clínicas especiais. Já a terceira e última fase começa no dia 9 de maio para crianças de seis meses a 5 anos e 11 meses, gestantes; mulheres que tiveram parto recente, povos indígenas, adolescentes e jovens de 12 a 21 anos em medidas socioeducativas, presos, funcionários do sistema prisional e adultos de 55 a 59 anos, que neste ano também fazem parte do grupo prioritário. A meta de cobertura vacinal é de 90% de cada grupo prioritário, ou seja, cerca de 3 milhões e 900 mil pessoas no Paraná. De acordo com dados da Secretaria Estadual da Saúde, desde janeiro até esta quarta-feira, o Paraná registrou 378 casos de Influenza do tipo H1N1. Destes, 27 foram confirmados e cinco pessoas foram a óbito. Para a diretora de Atenção e Vigilância em Saúde da Secretaria, Maria Goretti David Lopes, os dados indicam que o vírus da gripe está circulando no Paraná, e que por isso, as pessoas precisam além de tomar a vacina, adotar as medidas preventivas.

 Secretaria da Saúde informa, ainda, que foi prorrogada a vacinação contra o sarampo para acontecer junto com a vacina contra a Influenza, aproveitando a ida da população aos postos e unidades de saúde. A campanha nacional de imunização contra o sarampo foi dirigida para o público de 20 a 29 anos até o dia 13 deste mês e agora está sendo ampliada para pessoas de 20 a 49 anos.

Comentários estão fechados.

Veja Também

RIO AZUL- Campanha de multivacinação, ações do Comitê de Crise do Covid e Unidade de Saúde da gripe são temas abordados em entrevista

Flexibilização de algumas restrições sobre Decreto no combate ao Covid, foram um dos temas…