Home Geral Brasileiro precisou de 14 dias de trabalho no mês de agosto apenas para comprar produtos da cesta básica

Brasileiro precisou de 14 dias de trabalho no mês de agosto apenas para comprar produtos da cesta básica

0

O salário mínimo no Brasil deveria ter sido de R$ 5.583,90 em agosto.

A conclusão é do Dieese, o Departamento Intersindical de Estatísticas e Estudos Socioeconômicos.

É um pouco mais de 5 vezes o valor do piso nacional em vigor, que é de mil e 100 reais.

O valor ideal estimado em agosto é maior do que o salário ideal estimado em julho, que foi de R$ 5.518,79

Todos os meses, o Dieese faz essa estimativa de quanto deveria ser o salário mínimo para bancar a moradia, a alimentação, a educação, a saúde, o lazer, o vestuário, a higiene, o transporte e a Previdência Social do trabalhador e de sua família – considerando uma família de 4 pessoas, dois adultos e duas crianças. São necessidades tidas como básicas na Constituição Federal.

Para o cálculo, o órgão considera o valor da cesta básica mais cara entre 17 capitais pesquisadas.

No mês passado, os preços do conjunto de alimentos básicos tiveram alta em 13 das 17 capitais pesquisadas e a cesta mais cara foi registrada em Porto Alegre: R$ 664,67

Todo mês, o Dieese também estima o tempo médio que o brasileiro precisa trabalhar para comprar os produtos da cesta.

Em agosto, o tempo médio de trabalho nas 17 capitais apenas para comprar produtos básicos para o mês foi de 113 horas e 49 minutos.

Considerando uma jornada diária de 8 horas de trabalho, dá para dizer que são necessários 14 dias, 1 hora e 49 minutos de trabalho apenas para comprar produtos da cesta básica de alimentos.

Comentários estão fechados.

Veja Também

Primavera chega nesta semana. O que isso pode significar para a crise hídrica no Brasil?

A primavera chega oficialmente ao Brasil na próxima quarta-feira, 22 de setembro. A estaçã…