Home Geral A vítima de violência psicológica geralmente não percebe o que está acontecendo

A vítima de violência psicológica geralmente não percebe o que está acontecendo

0
AGÊNCIA REBOUÇAS- Rua: José Afonso Vieira Lopes, 303 - Centro, Tel (42) 3457-1100

Segundo Andressa Gnann, advogada expert em Direito de Família para mulheres e sócia fundadora do escritório Gnann e Souza Advogados, mãe, além de empreendedora serial e com projetos voltados para o público feminino, a pessoa que sofre violência psicológica pode até mesmo se sentir culpada ou envergonhada perante o agressor, pois muitas das vezes a violência é praticada de uma forma sutil que fica ainda mais difícil de identificar, como por meio de brincadeiras.

O que é violência psicológica e por que é tão difícil identificá-la?

Andressa Gnann:A violência psicológica é um tipo de abuso que pode afetar profundamente a saúde mental e emocional de uma pessoa. Ela pode se manifestar de maneiras diversas, como desvalorização, pressão para mudar ou até manipulação. O complicado é que muitas vezes a vítima não percebe que está sofrendo essa violência, já que pode ser praticada de forma sutil, como por meio de brincadeiras.

Quais são os sinais que podem indicar que alguém está sofrendo violência psicológica?

Andressa Gnann:Existem várias situações e comportamentos que podem indicar esse tipo de violência. Se a pessoa se sente constantemente culpada pelas atitudes do agressor, é insegura, sente que não pode ser ela mesma com medo de críticas ou se sente controlada o tempo todo, são alguns sinais preocupantes. Além disso, afastar-se de amigos e parentes, sentir desânimo ou não se reconhecer mais como antes são alertas que não devem ser ignorados.

Como as brincadeiras podem se tornar formas de violência psicológica?

Andressa Gnann: O agressor pode usar o humor, palavras ou ações para ofender, humilhar ou degradar a vítima. Isso inclui piadas de mau gosto, insultos, comparações desagradáveis, ridicularização de interesses ou aparência, entre outros comportamentos que visam inferiorizar e intimidar a pessoa.

O que fazer diante dessas situações de violência psicológica?

Andressa Gnann:É fundamental buscar ajuda de profissionais especializados. Muitas vezes, as vítimas se sentem envergonhadas ou acreditam que o que vivem é normal nos relacionamentos. Procurar apoio de especialistas qualificados ou grupos de suporte pode ser crucial para encontrar o melhor caminho para lidar com essa situação.

Quais são os primeiros passos para quem suspeita estar em um relacionamento abusivo?

Andressa Gnann:Reconhecer os sinais e entender que não está sozinha são os primeiros passos. Buscar apoio profissional e de pessoas de confiança para avaliar a situação é essencial para tomar medidas adequadas para proteger a saúde mental e emocional.

Como diferenciar comportamentos normais de um relacionamento dos sinais de violência psicológica?

Andressa Gnann: Às vezes, a linha entre o normal e o abusivo pode parecer tênue. Porém, quando a pessoa se sente constantemente diminuída, controlada ou insegura, é importante analisar a situação com cuidado, buscando entender se esses comportamentos estão afetando negativamente a sua vida e bem-estar emocional.

Andressa Gnann é mãe, advogada, empreendedora serial, com paixão pela instrução e empoderamento feminino. Também é reconhecida por suas habilidades de liderança, ética, resolução de problemas, criatividade e principalmente como estrategista. É sócia fundadora do escritório Gnann e Souza Advogados que é expert em Direito de Família para mulheres e referência nacional, reconhecido como Melhores do Ano em Advocacia e Justiça e com prêmio Quality Justiça e já ajudou a mudar a vida de milhares de famílias. Também é responsável pelo Projeto PAPO DE LEOA, que tem o objetivo de instruir, inspirar e empoderar mulheres para terem uma vida mais equilibrada, próspera e feliz.

Comentários estão fechados.

Veja Também

Nova frente fria atinge o Sul do Brasil com chuvas intensas, temporais e ressaca

Uma nova frente fria avança pelo Sul do Brasil, trazendo consigo um clima severo que inclu…