Home Saúde 62% dos municípios paranaenses aderiram ao consórcio pela compra de vacinas

62% dos municípios paranaenses aderiram ao consórcio pela compra de vacinas

0
clique aqui e receba nossas notícias:

Duzentas e cinquenta prefeituras do Paraná decidiram ingressar no consórcio público para a compra de vacinas organizado pela Frente Nacional de Prefeitos. No Brasil todo, são 1703 municípios que oficializaram o interesse. A lista final foi divulgada na tarde desta sexta-feira. O consórcio pretende utilizar recursos federais e também doações de fundos nacionais e internacionais como verbas adicionais aos caixas dos municípios para a compra das vacinas, como forma de auxiliar o Governo Federal a suprir a imunização em todo Brasil.

Após o ingresso dentro do consórcio, as Prefeituras participantes devem encaminhar projeto de lei para as Câmaras Municipais, autorizando a participação na iniciativa. Os órgãos legislativos vão ter 15 dias para aprovar a proposta.

Para o advogado especialista em Administração Pública, Guilherme Gonçalves, participar do consórcio é essencial para as prefeituras.

 

O advogado explica que os prefeitos podem fazer esta a compra de vacinas sem a necessidade de fazer licitação. E ele também aposta na possibilidade de pedir ressarcimento ao Ministério da Saúde caso a prefeitura utilize recursos próprios para fazer a aquisição.

 

A previsão é que o consórcio seja efetivamente instalado até o dia 22 de março. A ideia principal é que as prefeituras possam comprar as vacinas caso o Plano Nacional de Imunização (PNI), coordenado pelo Ministério da Saúde, não seja capaz de suprir toda a demanda.

A lista completa dos municípios oficializaram o interesse na compra dos imunizantes está disponível no site da Frente Nacional de Prefeitos.

Comentários estão fechados.

Veja Também

JÁ ESTÁ FICANDO DE LADO! Número de pessoas que lavam as mãos com frequência é menor do que no início da pandemia

Medidas das mais eficazes para evitar contaminações não apenas pelo novo coronavírus, mas …