Home / Rio Azul / Rio Azul – ladrões não perdoam nem o cemitério
Cemitério Municipal de Rio Azul

Rio Azul – ladrões não perdoam nem o cemitério

No dia 11 de junho, o plantão da Polícia Militar atendeu a dois funcionários da prefeitura de Rio Azul, os quais foram até destacamento para registrar o furto  ocorrido – provavelmente durante a madrugada – no cemitério municipal,  sendo que foram furtados alguns objetos do almoxarifado do cemitério.

Não importa o que foi furtado, seu valor, ou sua quantidade. Quando isso ocorre (mesmo em pequenos itens) ainda mais pertencentes a municipalidade, o prejuízo é de todos, pois é dos cofres públicos que serão retirados recursos para repor aquilo que foi levados por ladrões.

Sobre CLAYTON ARISTOCRATES MOLINARI BURGATH

Jornalista, Membro da Academia de Letras, Artes e Ciências do Centro-Sul do Paraná. Assessor de Imprensa e Comunicação

Veja Também

Rio Azul – polícia ambiental autuou proprietário por corte de 145 araucárias e 101 imbuias

Espalhe por ai:

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.