Home / Saúde / Rebouças: Secretaria de Saúde alerta população para evitar acidentes com aranha-marrom

Rebouças: Secretaria de Saúde alerta população para evitar acidentes com aranha-marrom

A secretária de Saúde de Rebouças, Tania Selhort,, informou que de acordo com dados da Secretaria Estadual a Saúde, o Paraná registrou 4.098 acidentes com aranha-marrom no ano passado. O alerta nos primeiros meses do ano é reforçado por ser um período mais quente, época em que aumenta o metabolismo das aranhas-marrom. “O calor faz estes animais se movimentar mais, para buscar alimento e se reproduzir”, frisa ela

Durante o dia, estes animais procuram abrigo em locais secos, quentes e escuros, pois não suportam claridade. À noite, saem para caçar.

A secretária lembra que entre os principais cuidados indicados para evitar a presença das aranhas-marrom, estão fechar frestas de paredes e vistoriar a casa regularmente, em especial dentro de sapatos, caixas, estantes de livros, roupas, toalhas encostadas em paredes ou no chão, que podem ser esconderijos de aranhas.

” Em caso de picada da aranha, a orientação é lavar o local do ferimento com água e sabão, não cobrir a ferida e ir o quanto antes para uma unidade de saúde frisa a secretária.

Se for possível, o paciente deve levar o animal capturado em um recipiente, vivo ou morto, para ajudar o médico na identificação. Caso esteja morto, é preciso colocar um pouco de álcool no recipiente para preservar o animal.

Sobre CLAYTON ARISTOCRATES MOLINARI BURGATH

Jornalista, Membro da Academia de Letras, Artes e Ciências do Centro-Sul do Paraná. Assessor de Imprensa e Comunicação

Veja Também

Paraná está em estado de alerta por epidemia de dengue

Espalhe por ai:

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.